Gestão de Pessoas no Varejo: Descubra os 6 principais desafios para os próximos anos

 In contabilidade para comércio varejista

 

Muito se fala em gestão de pessoas no varejo, e esse conceito vem da administração estratégica de gerir os recursos humanos de um negócio, além de melhorar e envolver processos, métodos, políticas, técnicas e práticas bem definidas dentro da organização, de modo a ampliar a capacidade produtiva e de negócios. 

Um dos fatores mais fortes da gestão de pessoas no varejo, vem dos objetivos em comum, em prol de melhores comportamentos internos, potencializando o quê?

O capital humano dentro das organizações!

Por isso, hoje queremos mostrar como você pode lidar com os desafios de contratar, reter e assim, manter um clima organizacional agradável e desafiador para manter os funcionários satisfeitos com a empresa – que atualmente, é uma luta para qualquer tipo de negócio – mas que para o varejo é um desafio ainda maior.

Então, fique por dentro dos 06 principais desafios da gestão de pessoas no varejo para os próximos anos. Lembrando porém, que a gestão de pessoas no varejo se dá no âmbito interno do negócio (colaboradores, sócios e acionistas), e no âmbito externo (clientes, fornecedores e investidores).

Abertura De Empresa

1. Manter-se atualizado com as expectativas do cliente em constante mudança

As preferências do cliente sempre mudam, às vezes até mais rápido do que você imagina. Como varejista, você deve ser capaz de acompanhar as tendências sazonais e o comportamento de compra de seus clientes. Você não precisa mudar totalmente seus produtos em todas as estações, basta adicionar alguns elementos diferentes aos seus produtos de acordo com as tendências. Desse modo, você nunca deve esquecer de inovar!

Acompanhar as tendências e monitorar o comportamento do seu consumidor é uma das mais brilhantes estratégias para se vencer os desafios da gestão de pessoas no varejo.

2. Manter a fidelidade do cliente

A boa experiência do cliente é um fator-chave na criação de fidelidade à marca. Um dos erros mais comuns cometidos por varejistas é permitir que os clientes existentes achem que podem substituí-los facilmente. Se acaso, você mantiver essa mentalidade, achará difícil sustentar o crescimento de seus negócios.

Embora as promoções e ofertas especiais ainda sejam a base dos varejistas para manter seus clientes, a verdadeira chave para uma incrível experiência do cliente é a personalização. Para manter seus clientes leais, você precisa usar uma abordagem pessoal, por exemplo, enviando mensagens que foram ajustadas às suas preferências e necessidades. Um sistema de CRM pode ajudá-lo a manter os detalhes de seus clientes e enviar e-mails personalizados com mais facilidade.

3. Gerenciando a comunicação interna

O varejo tem operações complexas e gerenciar sua comunicação interna não é uma tarefa fácil. Dessa maneira, este desafio é principalmente enfrentado pelas empresas de varejo de grande porte com várias divisões. Uma comunicação ineficiente entre as divisões pode atrapalhar os processos de negócios e, principalmente a gestão de pessoas.

Os varejistas devem optar por um sistema que possa simplificar sua comunicação interna. Um sistema ERP pode ser a solução perfeita para assim, gerenciar a comunicação interna em empresas de varejo. O software é capaz de centralizar todas as operações de negócios, gerar relatórios abrangentes e em tempo real de cada divisão, automatizar a distribuição de tarefas entre os departamentos e garantir que todo o processo seja executado corretamente.

Leia também:  O QUE É O PONTO DE EQUILÍBRIO PARA O COMÉRCIO VAREJISTA?

4. Retenção e engajamento de funcionários

[O varejo é uma das indústrias com as maiores taxas de rotatividade de funcionários.] Manter a equipe é um dos maiores desafios do setor. Enquanto isso, a substituição de funcionários exige muita energia e custos. A solução para esse desafio da gestão de pessoas no varejo, é portanto,  aumentar o engajamento dos funcionários em sua empresa, fornecer treinamento regular para otimizar suas competências. Para facilitar o cultivo e maximizar seu potencial, considere então, utilizar a ajuda de soluções automatizadas, como um sistema de gerenciamento de RH ou um sistema de gerenciamento de competências .

5. Um jogo global de alto impacto de ruptura digital

O comportamento do consumidor muda muito rapidamente. Agora, com o crescimento do comércio eletrônico, os consumidores têm muitas opções antes de tomar uma decisão de compra. Embora o e-Commerce tenha um impacto dramático no comportamento do consumidor, os relatórios entretanto, mostram que os consumidores ainda adoram fazer compras para a maioria dos produtos na loja. Porém, este número está mudando muito rapidamente, muitos consumidores, geralmente acessam a Internet para pesquisar informações sobre produtos e comparar o preço, mas ainda assim compram o produto offline. 

[O fenômeno do crescimento do comércio eletrônico não deve ser considerado uma ameaça, mas uma oportunidade.] Varejistas podem mesclar negócios on-line e off-line. Pesquisas recentes de grandes consultorias de negócios como Deloitte e PWc informam que 56% dos varejistas, donos de lojas físicas, possuem sites na web e, que mais de 50% das vendas de sua infraestrutura offline são influenciadas pela Web.  

Uma estratégia de marketing omnichannel – multicanal – pode ajudar os varejistas a realizar uma gestão de pessoas de forma mais eficiente, atingindo assim, um público mais amplo para suas marcas.

6. Encontrar as melhores soluções tecnológicas para o setor de varejo

Existem muitas tecnologias desenvolvidas para várias empresas que oferecem vários preços e benefícios. Os varejistas têm procurado as melhores soluções automatizadas para simplificar seus processos de negócios, mas suas escolhas geralmente estão no software errado, sejam por serem difíceis de usar ou então, por não terem funcionalidades para atender adequadamente os desafios do varejo.

Recomendamos que você escolha um sistema criado especificamente para o setor de varejo, de modo a ajudá-lo a automatizar todas as suas operações comerciais, desde o gerenciamento de estoque e vendas até o gerenciamento de prospectos e clientes. Além de fácil de usar, o software também deve facilitar a integração com outros sistemas, como scanners de código de barras e sistemas de gestão contábil, por exemplo. Mais importante ainda, você precisa entender muito bem cada uma de suas necessidades, para ajudá-lo a controlar seu orçamento com sabedoria e encontrar o software certo mais rapidamente.

E, qual a importância de se investir na tecnologia correta para a gestão de pessoas no varejo?

Porque, com o apoio da tecnologia, é possível se descrever processos e manter todas as divisões da empresa integradas e interconectadas, de modo a melhorar a comunicação e a diminuir o estresse entre colaboradores. E mais, seu serviço de atendimento ao cliente será extraordinário, pois com todas as informações de seus clientes integradas, você será capaz de encantar e fidelizar seus consumidores.

Conclusão

Esses, são apenas alguns dos principais desafios de gestão de pessoas pessoas no varejo para os próximos anos.  

Sua vez

Você é proprietário ou administrador de uma loja de varejo? Como você mantém as coisas funcionando sem problemas? 

Compartilhe sua opinião conosco!

Tem alguma dúvida? Precisa de ajuda? Fale conosco! A Inconper é uma contabilidade em Barueri – SP.

Siga-nos no Facebook: @inconper

Sucesso e até logo.

Assine nossa newsletter

Receba dicas valiosas para o seu negócio semanalmente!






Compartilhe nas redes!

0 Compart.
Recent Posts

Leave a Comment

Fale Conosco

Não estamos por perto no momento, mas envie um email e lhe responderemos em breve.